Finanças: o que fazer em tempos de crise – ICJ Live

O 2º ICJ Live aconteceu na última quinta feira e teve como tema “Finanças: o que fazer em tempos de crise”, ministrado por Patrícia Metzker.

Patrícia é Mestre em Administração, especialista em Administração Financeira e graduada em Ciências Econômicas; Docente do ensino superior por 10 anos e 23 anos de experiência no mercado financeiro, atuando como Gerente em diversas áreas, inclusive na área de investimentos, tanto no mercado local como internacional.

Foram abordadas questões relacionadas aos gastos familiares, principalmente no momento atual, e quais ações podem ajudar a contornar o problema. Antes de qualquer outro passo, é preciso fazer um levantamento das despesas, entendê-las e criticar se o que vem sendo utilizado é realmente necessário ou supérfluo.

Além do controle de gastos, é importante que a toda a família pense no hoje, esquecendo o passado e o que “poderia ter sido feito”. É um momento de se repensar e se reinventar. E, além disso, é também um momento de pensar no outro. Todos estão passando por momentos difíceis, mas é importante estar acompanhado de um pensamento positivo, com a certeza de que tudo passa.

Clique aqui para saber mais sobre os assuntos discutidos no 2º ICJ Live.

Gestão das emoções no período da quarentena – ICJ Live

O 1º ICJ Live aconteceu na última quinta feira e teve como tema a “Gestão das emoções no período da quarentena”, ministrado pela psicóloga Monik Blum.

Foram abordadas questões relacionadas à saúde das relações familiares, saúde mental e emocional e a ansiedade presente em muitas pessoas, principalmente em tempos de isolamento.

As informações vêm de todos os lados, todos são capazes de gerar conteúdo e publicar nas redes. Dessa maneira, e principalmente em um momento de tamanho abalo emocional, nos sentimos perdidos em tantas informações, em quais acreditar, acompanhar e divulgar. 

Ter acesso a essa infinidade de informações é uma das formas de sentir-se mais pressionado e mais abalado psicologicamente. Por isso, é interessante limitar as fontes de acesso de notícia, ser criterioso com o que se lê e evitar desinformação, com as chamadas fake news.

Monik comenta que é preciso fazer um uso criativo do tempo no período de isolamento, principalmente para as famílias que possuem crianças e adolescentes em casa. Gerir o tempo de uma forma eficiente faz com que o momento se torne um pouco diferente e as tensões são minimizadas. 

É um bom momento para conversar com parentes e amigos que há muito tempo não conversava, ler livros, escrever, aprender um novo idioma, ou até mesmo praticar meditação para liberar a tensão. Isso ajuda a quebrar a sensação de isolamento, de estar sozinho e de tempo perdido. E o sistema imunológico agradece.

Blum finaliza dizendo que todos precisam estar acompanhados do pensamento positivo. O mundo está mudando, os tempos difíceis passarão e vamos nos adaptar a um novo modelo de vida.

Clique aqui para conferir  o 1º ICJ Live, na íntegra.